Um white paper da IDC (que pode ser consultado aqui), estima que em 2006 a quantidade de informação digital criada, capturada e replicada foi de (em linguagem computacional) 161 biliões de gigabytes. Numa linguagem mais simples, isto corresponde a cerca de 3 milhões de vezes a informação de todos os livros alguma vez escritos…

Apesar de ser um número incrível, o estudo vai mais longe sugerindo que em 2010 este número será 6 vezes maior, ou seja, serão necessários 988 biliões de gigabytes para armazenar toda a informação digital que existirá na altura, em todo o mundo.